14.3.07
Does Humour Belong In Music? (XVI)
Aqui há uns 10 anos, tinha aparecido o Mike Flowers Pop, com versões easy listening de grandes êxitos pop, como o Wonderwall dos Oasis.
Uns anos mais tarde, muda o palhacito de serviço. Este chama-se Richard Cheese e as propostas dele vão para a transformação completa do pop de um Creep (Radiohead) ou Sunday Bloody Sunday (U2), do rock de um Another Brick On The Wall, Part II (Pink Floyd) ou Rock The Casbah (The Clash), mais pesado em Rape Me (Nirvana), Freak On A Leash (Korn), Nookie (dos inqualificáveis Limp Bizkit), Come Out and Play (Offspring) ou People Equals Shit (Slipknot), até ao hip-hop de um Fight For Your Right (Beastie Boys) ou Gin and Juice (Snoop Dogg), em rumbas, cha-cha-cha's, merengues, mambos, salsas, entre muitos outros ritmos latinos e muito swing. Até o hard-rock dos anos 80 dos Van Halen é aqui vilipendiado, em Hots For Teacher.
Todas as já referidas estão disponíveis na compilação "The Sunny Side of The Moon: The Best Of Richard Cheese", de 2006.
Um destaque especial para as versões de Sunday Bloody Sunday (um mambo!), Creep ou Come Out and Play, se bem que creio que se divertirão a ouvir todas as que estão aqui em baixo.

Rape Me
Sunday Bloody Sunday
Another Brick On The Wall (Part II)
Rock The Casbah
Come Out And Play
Creep

Etiquetas: ,

 
Olavo Lüpia, 14.3.07 | Referências |


5 Comments:


  • At 14 março, 2007 12:41, Anonymous ocarteiro

    Confesso que não gosto! Ouvir essa versão do rape me dá-me vontade de espancar o autor e... eu sou um pacifista!

     
  • At 14 março, 2007 19:15, Anonymous o irmão do meio

    sim, o humor pertence á musica.
    morri.
    Rio-me a perder.
    onde foste desencantar esta peça?

    claro que para alguns é tão hilariante que nem sequer chega a ter graça, como diria o nosso amigo w. allen.

    morro a rir....

    fica bem
    abraço

    o irmão do meio

     
  • At 15 março, 2007 17:44, Anonymous Anónimo

    Não esquecer o grande Señor Coconut e as suas versões electro-latinas de beat it, riders on the storm e tantas músicas dos kraftwerk (El Baile aleman)

     
  • At 15 março, 2007 22:15, Blogger sem titulo

    que bizarro !

    a apresentação "this one is for the ladies " do Rape me é de muito humor negro.

    Estranhamente o Creep parece mesmo real.

     
  • At 21 março, 2007 21:26, Blogger Claudio

    Este sr.queijo devia ser assassinado...sem direito a funeral...:-)